Você está em:

Câmara de Ouro Preto lança 3ª Edição do Parlamento Jovem e facebook do Projeto

´Educação Cidadã´ será o tema do Parlamento Jovem de Ouro Preto neste ano
  • Anterior
  • 1 of 2
  • Próximo

11-4-12

A terceira edição do Projeto Parlamento Jovem de Ouro Preto foi lançada na última quarta-feira (11), no Plenário do Legislativo Municipal, com o tema “Educação Cidadã”. Durante o evento, o Centro de Atendimento ao Cidadão (CAC) da Câmara lançou também a fan page do Projeto no Facebook, que pode ser acessada por meio do endereço www.facebook.com/parlamentojovemop.

Para o auxiliar de monitor, Aílton Santana, que foi integrante do Projeto em 2010 e 2011, as atividades contribuem para fortalecer a visão política dos jovens. “Consegui debater temas que eu nunca achei que iria conversar normalmente com outra pessoa, como a questão das drogas, no ano passado. Esse Projeto é bom, porque nos deixa participar, abordar novos temas e agir dentro do contexto político”, afirma Aílton. A estudante Rayanne Santos - estreante no Projeto - conta que sempre se interessou por política e avalia sua participação como uma grande oportunidade. “Acredito que o Parlamento Jovem vai não só nos ensinar sobre a política, como também, como o próprio tema diz, a sermos cidadãos melhores”, pontua a aluna da Escola Estadual Padre Afonso de Lemos.

A Sessão Solene contou com a participação de representantes do Núcleo de Direitos Humanos da Universidade Federal de Ouro Preto (Ufop), da Prefeitura Municipal e da Superintendência Regional de Ensino. O coordenador técnico do Núcleo de Direitos Humanos da Ufop, professor Felipe Comarela Milanez, acredita que a parceria com o Parlamento Jovem é uma constante relação de troca. “Ao passar informações aos jovens parlamentares, os nossos alunos de Direito absorvem também o conhecimento desses estudantes e veem na prática como realmente se efetiva a cidadania e o Direito”.  O Projeto irá trabalhar, também, três subtemas: “Participação coletiva no espaço da escola”; “Função das redes virtuais na formação cidadã”; e “Diversidade cultural: gênero, sexualidade e etnia”. Como uma das novidades desta edição, está a parceria do Projeto também com a Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, que irá atuar nas discussões sobre Diversidade Cultural.

De acordo com a coordenadora do Parlamento Jovem de Ouro Preto, Rigeli Mapa, estão inscritos 46 alunos do Ensino Médio de cinco escolas da cidade, a saber: E. E. Desembargador Horácio Andrade, Colégio Arquidiocesano de Ouro Preto, E. E. José Leandro (de Santa Rita), E. E. Dom Pedro II e E. E. Padre Afonso de Lemos (de Cachoeira do Campo). Rigeli lembra que a edição 2012 do Parlamento Jovem do município segue até o final do mês de junho deste ano. O Parlamento Jovem de Ouro Preto é uma ação do CAC da Câmara Municipal, em parceria com a Escola do Legislativo da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) e com o Núcleo de Direitos Humanos da Ufop.