Você está em:

Moradores do Salto cobram apoio para a Sociedade Musical do distrito

E-mail Imprimir PDF

14/08/2014

Durante a Câmara Itinerante realizada em Santo Antônio do Salto dia 14 de agosto, foram realizados 274 atendimentos no distrito, entre eles: 108 da Saúde Bucal, 30 exames de vista (optométricos) e 23 confecções de CPF. As atividades sociais aconteceram durante o dia na Escola Municipal Aleijadinho.

No final da tarde, os vereadores se reuniram no local para debater com a comunidade melhorias para o distrito. O presidente da Sociedade Musical 13 de Junho, Vicente Xavier, a diretora da E. M. Aleijadinho, Márcia de Souza, e os moradores José Domingos, Terezinha Silva e Ari de Souza utilizaram a Tribuna Livre.

Vicente Xavier reivindicou apoio do Município à Banda Sociedade Musical 13 de Junho. "Eu já estou com 59 anos e eu queria aprender a tocar bem, mas a gente não tem apoio. A prefeitura cortou o carro que transportaria o nosso maestro, estamos precisando de instrumento, está tudo complicado", afirma Vicente. De acordo com ele, o maestro que acompanha a Banda mora em Cachoeira do Campo.

Segundo o morador Ari de Souza (71), a prefeitura havia cedido transporte para o maestro, mas a ação foi interrompida. "Enviaram o carro em um sábado e, no sábado seguinte, telefonaram para o Vicente avisando que o carro que atenderia a Banda estava cortado", aponta Ari. "Agora, estamos prestes a perder a Banda. Os meninos já estão desanimando porque não estamos tendo ensaio", conclui. A Sociedade Musical 13 de Junho foi fundada por iniciativa de Maria das Graças Souza e reúne atualmente 32 membros.

Os vereadores aprovaram uma Indicação conjunta que pede, entre outras benfeitorias, mais atenção à Banda do distrito. A Câmara aprovou, também, o Requerimento do vereador Chiquinho de Assis (PV) que pede explicações da prefeitura sobre o caso. "No momento em que o mundo busca atividades para o jovem e terapia para os adultos e para as pessoas, a gente tinha uma atividade funcionando no Salto que foi interrompida", lamenta o parlamentar.

Para o presidente da Câmara, Léo Feijoada (PSDB), falta compromisso das secretarias municipais de Cultura e Turismo. Vemos que a Banda está quase acabando por falta de apoio. É preciso buscar o maestro todo sábado em Cachoeira do Campo e trazer para o Salto e isso não vem acontecendo. Estamos cobrando esse compromisso da prefeitura para que possa fortalecer a cultura desse querido distrito que é Santo Antônio do Salto", afirma o presidente. De acordo com Leo Feijoada, as demais reivindicações feitas pelos moradores são as mesmas das reuniões passadas. “São os mesmos  problemas, como a estrada que não tem cascalho e quando chove o povo não consegue chegar em Santa Rita, o problema de falta de pediatra e atenção básica e a água mal captada e mal distribuída. É preciso que o SEMAE invista para distribuir água de melhor qualidade e que a Secretaria Municipal de Turismo, Indústria e Comércio trabalhe para alavancar o potencial do distrito, como o ecoturismo” aponta Leo.

A partir das reivindicações apresentadas pelos moradores do distrito, os vereadores aprovaram uma Indicação conjunta que cobra: Atenção à Banda Sociedade Musical 13 de Junho; Realização de obras de infraestrutura; Término das obras na Rua C e colocação de quatro postes para que a Cemig promova iluminação na rua; Mais recursos para o Congado do distrito se apresentar em outras localidades, como transporte e acomodações dignos; Reforma na Escola Municipal Aleijadinho (pintura, reparos na parte elétrica e hidráulica, entre outros); Capacitação e qualificação das artesãs e cozinheiras do distrito, bem como a construção de um centro de exposição dos trabalhos artesanais e da gastronomia local; Asfaltamento das estradas do distrito, que ligam o distrito de Santa Rita de Ouro Preto à Sede do Município; Atenção à questão da água no distrito, principalmente em relação à falta d’água que é constante; Término das obras de construção da quadra poliesportiva existente no distrito; Contratação de médico Pediatra para atender no distrito pelo menos uma vez por semana; Implantação de internet na Escola Municipal Aleijadinho; e Construção de rede pluvial e pavimentação da Rua A. Os vereadores reiteraram, também, as reivindicações feitas durante a Câmara Itinerante de 2013 em Santo Antônio do Salto.