Você está em:

Prefeitura realiza prestação de contas no Plenário da Câmara

E-mail Imprimir PDF

A Câmara promoveu, nessa quarta-feira (4), audiência pública de prestação de contas da Prefeitura de Ouro Preto, referente ao 2º quadrimestre de 2017. Em cumprimento à Lei de Responsabilidade Fiscal, os servidores do Executivo apresentaram os gastos e a receita dos meses de maio, junho, julho e agosto.

 

O presidente da Câmara, Wander Albuquerque (PDT), ressaltou que “os números apresentados pela prefeitura são assustadores. A queda de arrecadação e a dívida deixada pelo governo passado, confirmada pela prestação de contas, deixam claro o grande déficit nos cofres públicos e reafirmam a situação preocupante em que o município se encontra. Em 2016, havia uma receita entorno de R$307 milhões. Em 2017, por sua vez, os números não ultrapassarão R$250 milhões. Ou seja, estamos falando de R$60 milhões a menos. É, realmente, um cenário alarmante”.

Para o vereador Juliano Ferreira (PMDB), presidente da Comissão de Finanças, “é extremamente importante a realização dessa prestação de contas, pois elucida para todos os ouro-pretanos como estão as finanças do município. Além disso, é necessário a nós vereadores estarmos cientes do financeiro para as perspectivas de projetos futuros”.

Edmundo Sales, gerente de Contadoria da Prefeitura, ressaltou que o Executivo trabalha para equilibrar as finanças do município. “O que ficou evidenciado foi a situação de crise que o município vem passando. A queda da arrecadação gera essa dificuldade operacional e reflete no dia a dia do cidadão ouro-pretano. Temos nos empenhado para diminuir e qualificar os gastos, utilizando os recursos disponíveis”.

A vereadora Regina Braga destacou que “o município perdeu arrecadação e, com isso, a Prefeitura está com o saldo negativo e tem uma parte da dívida herdada do governo passado. No meu ponto de vista, deve haver cortes e contenção de despesas”.

O encontro contou com a presença do presidente da Comissão de Finanças da Câmara, vereador Juliano Ferreira (PMDB); do presidente da Casa, Wander Albuquerque (PDT); da vereadora Regina Braga (PSDB); além da diretora do setor de contabilidade do Executivo, Adriana Rodrigues, e do gerente de contadoria, Edmundo Sales.