Você está em:

Comissão de vereadores se reúne com Executivo para tratar impasse com a Village

E-mail Imprimir PDF

Buscando soluções para os trabalhadores da Village, que reivindicam três meses de atraso no vale-alimentação, uma comissão especial de vereadores ouro-pretanos – Alysson Gugu (PPS), Marquinho do Esporte (SD), Regina Braga (PSDB) e Vantuir Silva (SD) – reuniu-se, na tarde dessa quinta-feira (3), com o secretário municipal de Fazenda, Huaman Xavier Pinto Coelho, para solicitar o pagamento da dívida do Executivo com a empresa.


A situação foi apresentada aos edis durante a reunião ordinária do dia 19 de abril pelo gerente da Village, Carlos Roberto de Oliveira. De acordo com ele, há uma dívida da Prefeitura com a Village do governo passado referente ao ano de 2016, quando faltou o repasse de três meses, totalizando R$2,223 milhões, “que, somado com o período de 2017/18, totalizam R$5,650 milhões, o que fica inviável arcarmos com os nossos compromissos, e os trabalhadores são os mais prejudicados”, explicou Carlos Roberto.

Na reunião com a Secretaria de Fazenda, ficou acordado com os vereadores presentes que o Executivo efetuará até o dia 15 de maio o pagamento aos trabalhadores da Village. Huaman Xavier explica a situação: “O que aconteceu foi que, no final do ano passado com o pagamento do 13º dos servidores da Prefeitura, ficamos com um grande atraso com a Village, o que resultou nessa situação. Fizemos um pagamento no mês passado, no qual a empresa pagou o salário, o vale-transporte e o vale-alimentação e, até o dia 15 [de maio], estamos programados para fazer um pagamento grande priorizando a empresa e ficarmos em dia com a Village. Os proprietários da mesma já nos asseguraram que colocarão todas as obrigações em dia, e esperamos que, com isso, mantendo os pagamentos regulares mensais, não teremos mais prejuízos para nenhum trabalhador”, disse.

Para o vereador Vantuir Silva (SD), “chegamos ao entendimento que até o dia 15 de maio a dívida será sanada e assim esperamos. Tomara que o Executivo cumpra o proposto, porque os maiores prejudicados são os funcionários, eles têm seus compromissos e precisam desse dinheiro”.

O vereador Alysson Gugu (PPS) ficou satisfeito com o posicionamento do Executivo e ressaltou que continuará acompanhando a situação dos servidores. “Tivemos uma reunião muito produtiva e positiva, o secretário nos falou que até o dia 15 será pago o valor de R$1,5 milhão à empresa Village. A Câmara continuará acompanhando, e o secretário afirmou que, assim que o dinheiro for depositado ou às vésperas do depósito, ele antecipará a notícia à comissão de vereadores. Esperamos que o pagamento esteja garantido”, destacou.

A comissão especial nomeada pelo presidente da Câmara, Wander Albuquerque (PDT), para representar os demais vereadores e acompanhar o caso dos trabalhadores da empresa Village é composta por Alysson Gugu (PPS), Luciano Barbosa (MDB), Marquinho do Esporte (SD), Regina Braga (PSDB), Vander Leitoa (PV) e Vantuir Silva (SD). Os parlamentares garantiram que continuarão acompanhando a situação até que o pagamento dos funcionários seja efetuado.