Você está em:

Vereadores pedem implantação de triagem médica com classificação de risco na UPA de Ouro Preto

E-mail Imprimir PDF

 

Durante a reunião ordinária, realizada nessa quinta-feira (23), foi aprovada a indicação nº 189/2018 que solicita ao Executivo a implantação da triagem médica com classificação de risco na Unidade Pronto Atendimento (UPA) do município. O objetivo ordenar o atendimento de urgência e emergência de acordo com o estado de saúde do paciente e não por ordem de chegada, com um enfermeiro capacitado para realizar a avaliação dos pacientes.


O autor da indicação, do vereador Paquinha  (PMN), explicou que “uma moradora de Ouro Preto pediu para que fizéssemos essa reivindicação, logo, pedimos para que sejam contratados mais enfermeiros ou técnicos de enfermagem para que as pessoas, ao chegarem à UPA, passem primeiro por uma triagem e que seja feita uma avaliação a fim de dar a prioridade a quem está mais necessitado de atendimento”, disse.

Para o vereador Chiquinho de Assis (PV),  “a opção seria o Protocolo de Manchester, que já é usado na nossa Santa Casa e na UPA de Itabirito. As pessoas chegam, fazem a ficha e depois são acolhidas por um enfermeiro, que avalia o nível de gravidade médica. Há critérios de atendimentos, e os pacientes são chamados de acordo com a urgência do caso. Esperamos implementar esse sistema também na UPA da nossa cidade”.

A indicação foi assinada por todos os vereadores da Casa Legislativa. Também durante a 47ª reunião, foram aprovadas oito indicações; duas representações e nove requerimentos. As reuniões da Câmara de Vereadores acontecem às terças, às 16h, e às quintas, às 9h. São abertas ao público e transmitidas ao vivo pelo site e fanpage da Câmara no Facebook, além da TV local, site e rádios parceiras.