Você está em:

Câmara solicita informações sobre Chamamento Público para empresas se instalarem no município

E-mail Imprimir PDF

Foi realizada, nesta terça-feira (9), a 16ª Reunião Ordinária da Câmara de Ouro Preto. Na ocasião, foram aprovadas cinco indicações, uma representação, 10 requerimentos e seis projetos de resolução.

Um dos requerimentos aprovado é de autoria do vereador Wander Albuquerque (PDT). Ele solicitou informações a respeito do Chamamento Público para empresas que vão se instalar no município de Ouro Preto. “Tivemos há pouco tempo uma Concessão Pública, por parte da Prefeitura, para atrair novas empresas para o Distrito Industrial de Cachoeira do Campo e de Antônio Pereira. Queremos informações de quais empreendimentos participaram, como está o andamento para implantação dessas empresas, principalmente neste momento que tivemos o fechamento da Samarco e o problema com a Vale. Além disso, se a Prefeitura está pensando em um novo Chamamento Público porque sabemos que ainda há lotes vagos para instalação de novas empresas nesses distritos”, explica.

Wander Albuquerque ainda destacou que, em 2012, a Prefeitura licitou algumas áreas no Distrito Industrial de Cachoeira do Campo, mas nenhuma empresa se instalou. Ele pede, também, informações de como está a situação dessas empresas que participaram dessa licitação.

Transporte Público

Ainda durante a 16ª Reunião Ordinária, os vereadores falaram sobre a situação do transporte público na cidade. O vereador Marquinho do Esporte (SD) protocolou um requerimento cobrando que a Ourotran fiscalize os ônibus que circulam na cidade já que, segundo ele, muitos moradores têm reclamado da superlotação. “Fizemos esse requerimento por meio de uma demanda da população do bairro Santa Cruz. A informação que temos é de que a empresa responsável pela linha que passa no bairro, a Turin, reduziu os horários, principalmente nos momentos de maior demanda. Divulguei um vídeo hoje na reunião, gravado por uma moradora, que utilizava a linha às 6h. Ele mostra o ônibus superlotado, sem poder se locomover, correndo risco em relação à segurança. Hoje, os ônibus estão sem auxiliar de viagem e isso está dificultando o trabalho dos motoristas. Não podemos aceitar essa situação. Além disso, muitos passageiros não tem conseguido embarcar porque os ônibus passam cheios devido a essa diminuição de horários. Esperamos que a Ourotran possa fiscalizar melhor a situação”, finaliza.

As reuniões da Câmara Municipal acontecem às terças, às 16h, e às quintas, às 9h. Elas são abertas ao público e transmitidas, ao vivo, pelo site e fanpage da Câmara no Facebook.