Você está em:

Audiência Pública debate segurança pública nos distritos de Ouro Preto

E-mail Imprimir PDF

A 15ª Audiência Pública da Câmara de Vereadores de Ouro Preto, realizada na última quinta-feira (26), reuniu diversas autoridades e a comunidade para debater a segurança pública nos distritos, em especial em Santo Antônio do Leite.

O vereador Wander Albuquerque (PDT) presidiu o encontro e falou sobre a situação da localidade. “Santo Antônio do Leite tem sofrido, principalmente nos últimos meses, com vários crimes, inclusive um registro de latrocínio. Saímos daqui hoje com encaminhamentos importantes. Criamos uma comissão também com moradores. Eles vão participar desses encaminhamentos junto ao poder do Estado para tratar da segurança nos distritos”, explicou.

O delegado Regional da Polícia Civil de Ouro Preto, Isaías Confort Oliveira da Costa, diz que “acredita que em todos os lugares deveriam acontecer essas audiências públicas e a população tem que participar. Nós, enquanto autoridades, temos que receber essas críticas como evolução, como busca de melhora. E exatamente colocar a nossa cara para dizer que nós estamos nos empenhado e a voz deles é que irá levar isso para frente. Acreditamos nisso”, pontuou.

O representante dos moradores do distrito de Santo Antônio do Leite, Weverton de Paula Pimentel, conhecido como Veto, avaliou que “esse é o caminho porque, se a gente não acreditar na justiça, nada vai acontecer. A comunidade veio hoje de forma maciça para dar um apoio e vamos ver se daqui sai um resultado positivo”.

Wander também avaliou a audiência. “O saldo foi bastante positivo. Tivemos a presença do delegado regional de Polícia Civil, Isaías Confort Oliveira da Costa, o comandante do 52º Batalhão da Polícia Militar, tenente-coronel Ademir Siqueira, a promotora de justiça recém-chegada a nossa cidade, Aline Silva Barros, o comandante da Guarda Municipal, Jonathan Marota, o coordenador da Famop, Luiz Carlos Teixeira, e também o representante da associação e ex-policial, o sargento Geraldo Magela Ribeiro. Foi bem participativo, com vários moradores, principalmente do distrito de Santo Antônio do Leite”.

Os vereadores Alysson Gugu (Cidadania), Vantuir Silva (SD), Regina Braga (PSDB) e  Chiquinho de Assis (PV) também participaram do encontro.

Encaminhamentos da Audiência
Adotar práticas tecnológicas para coibir a violência com ampliação da vigilância remota em locais propensos a práticas criminosas; aumentar a presença preventiva e educativa das forças de segurança nas comunidades, bairros, distritos e localidades municipais; promover parcerias das forças policiais com os comerciantes, associações de moradores criando redes de proteção; promover iniciativas de reconstrução de uma cultura de polícia cidadã e paz social que aja em defesa dos mais fragilizados, desprotegidos e desamparados pelo estado; envio da Ata da Audiência para 2ª Promotoria de Justiça; promover estudo a fim de verificar a necessidade ou não de um destacamento da PM em Santo Antônio do Leite; requerer ao presidente da Câmara a instauração, por meio de portaria, de uma comissão especial, a fim de que se dirija à Secretaria e a Comissão de Segurança Pública de Minas Gerais solicitando a criação de destacamento nos distritos de Santo Antônio do Leite, Lavras Novas e São Bartolomeu. A Comissão agendará uma reunião com a 2ª Promotoria, com a presença dos moradores do distrito: Veto, Martinha e Lalado.


A Audiência Pública que tratou sobre o assunto pode ser conferida, na íntegra, no YouTube e no Facebook da Câmara.