Câmara busca auxiliar escolas de Miguel Burnier

Câmara busca auxiliar escolas de Miguel Burnier

 

Uma das escolas roubadas em Miguel Burnier

Uma das escolas roubadas em Miguel Burnier

Dirigentes das escolas de Miguel Burnier e Mota se reuniram com o presidente da Câmara Municipal de Ouro Preto, vereador Júlio Pimenta (PPS), para pedir que a Casa intermedeie junto à prefeitura a disponibilização de vigias noturnos para as instituições de ensino do distrito.

Neste ano, as Escolas Municipais Monsenhor Rafael (Miguel Burnier) e Professora Celina Cruz (Mota) já foram assaltadas duas vezes, cada uma.

 

Segundo Edilene Maria Firmino de Almeida, diretora da Escola Municipal Monsenhor Rafael, os últimos assaltos aconteceram nos dias 17 e 23 de setembro. “A Secretaria de Educação instalou alarme eletrônico. Mas isso não adianta para nós, porque a escola é muito distante das casas do distrito. Se o alarme for acionado, vai dar tempo de o ladrão fugir até que alguém chegue ao local”, conta.

Professoras das escolas roubadas vieram à Câmara

Professoras das escolas roubadas vieram à Câmara

A coordenadora da Escola Municipal Professora Celina Cruz, Aparecida de Fátima Marques Reis, explica que o ideal é que sejam disponibilizados vigias noturnos para essas instituições de ensino. “Procuramos a Câmara para que solicite ao Executivo o fornecimento desses vigias, inclusive, para preservar o patrimônio dos alunos e da própria prefeitura”.

O presidente da Câmara, Júlio Pimenta, garantiu o apoio às escolas do distrito de Miguel Burnier. Segundo o vereador, já na próxima semana, ele fará um requerimento ao prefeito, a ser votado em Plenário, para pedir informações sobre os profissionais responsáveis por fazerem a guarda das dependências das duas instituições de ensino ainda não foram viabilizados para o local.

 

Anterior Vereadores derrubam veto do prefeito

Deixe O Seu Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.