Câmara de Ouro Preto nomeia Comissão de Vereadores para acompanhar situação da Novelis

Câmara de Ouro Preto nomeia Comissão de Vereadores para acompanhar situação da Novelis

Diretor da Novelis na CMOP 1 Na Sessão Ordinária da ultima quinta-feira, 14 de fevereiro, dirigentes da empresa de alumínio Novelis, compareceram ao plenário da Câmara Municipal de Ouro Preto, a convite do presidente Maurílio Zacarias, para falar aos vereadores e ao público presente sobre a crise de energia que está afetando a produção da empresa.

Durante sua explanação, o Diretor de alumínio primário da Novelis, Cloves Carvalho, explicou que esta não é uma crise de fechamento da fábrica e sim uma crise de energia elétrica. “A fábrica tem hoje 60% de sua energia gerada pelas próprias usinas da Novelis, o que garante a continuidade da fabricação. Nós tivemos que desligar um linha que corresponde aos 40% da energia que a gente comprava. Estamos aguardando e tratando com nossos fornecedores a possibilidade de uma renovação de contrato para que a gente volte a operar a unidade que está com a produção interrompida.”, afirmou Cloves.

Questionado pelos vereadores Leonardo Barbosa (PSDB), Sílvio Mapa (PSDB) e Wanderley Kuruzu (PT) se a Novelis estaria racionando energia para vendê-la a altos preços no mercado livre, o Diretor de alumínio primário negou ser este o caso da empresa. “Isto é apenas um boato. Prova disto é que, hoje, nosso contrato de energia varia semanalmente conforme o preço. E para eliminar o uso dessa energia, nós não só desligamos uma linha, como reduzimos um pouco a produção da outra. Assim que o preço diminuiu, nesta semana, nós já voltamos com a produção normal desta última. Só que nós não temos condições de retomar a produção da linha parada, porque nós não temos garantia futura desse preço. Se nós estivéssemos vendendo energia, nós não estaríamos retomando a produção da linha III”, informou o diretor.

Sobre a redução do quadro de funcionários, Cloves Carvalho disse, ainda, que o processo não foi concluído e que estão sendo feitas recolocações em outras áreas e substituições de empregados contratados e de terceiros.

O presidente da Câmara, vereador Maurílio Zacarias (PMDB), ressaltou a preocupação dos vereadores com a redução do número de empregos na cidade. “Eu acho que uma grande preocupação dos vereadores, como de toda a população de Ouro Preto, é o desemprego. A gente espera que eles cheguem a um consenso e consigam retornar com o funcionamento da Redução II”, declarou Maurílio.

Uma comissão especial de vereadores foi nomeada pelo presidente da Câmara, Maurilio Zacarias, a pedido do vereador Flávio Andrade (PV), para acompanhar a situação atual da empresa de perto. “A Novelis é fundamental para a economia de Ouro Preto, a geração de empregos é grande no Município. Então, não podemos ver esse quadro de maneira paralisada. Nós temos que agir, a Câmara está agindo, está procurando fazer o seu papel e eu acho que essa comissão irá ajudar”, afirmou o vereador Flávio, o qual fará parte da comissão especial, juntamente com os vereadores Júlio Pimenta (PPS) e Leonardo Barbosa (PSDB).

Na próxima segunda-feira, dia 18, será realizada, no plenário da Câmara Municipal, a Audiência Pública “A Situação da Novelis em Ouro Preto”, às 18 horas. A Audiência é aberta à toda a comunidade.

 

Foto – Da esquerda para a direita: o presidente da Câmara, Maurílio Zacarias; a vice-presidente, Maria José Leandro, e o Diretor de alumínio primário da Novelis, Cloves Carvalho.

Anterior Câmara de Ouro Preto realiza Primeira Reunião Ordinária

Deixe O Seu Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.