Câmara de Ouro Preto reprova Projeto sobre Reforma Administrativa da Prefeitura

Câmara de Ouro Preto reprova Projeto sobre Reforma Administrativa da Prefeitura

 O Projeto de Lei Complementar que estabelecia a nova organização da Prefeitura não teve os votos necessários para ser aprovado na Câmara nesta quinta-feira (2). Apresentado pelo Prefeito, o Projeto foi bastante discutido nos últimos meses no Legislativo, chegando a ser substituído duas vezes.

 

Segundo o vereador Flávio Andrade (PV), o Projeto dava nova cara  à Prefeitura, estabelecendo atribuições para as Secretarias e criando novos órgãos. “Com a derrota, a Prefeitura tem que buscar outro caminho para se adaptar ao novo modelo”, explica Flávio.

Para a vereadora Regina Braga (PSDB), o momento não é o melhor para essas mudanças. “Agora, o governo tem que priorizar obras, investir e cortar custeio com pessoal e gastos excessivos. Foram meses de discussões com a Secretaria de Planejamento para que chegássemos à conclusão de que o melhor mesmo era a reprovação”, avalia a vereadora.

 Na votação, o Projeto teve a maioria dos votos, mas, de acordo com o Regimento, precisaria de seis votos para que fosse aprovado. A base aliada votou favorável à aprovação: Flávio Andrade (PV), Maurílio Zacarias (PMDB), Crovymara Batalha (PMDB), Paquinha (PR) e Luiz Gonzaga (PR). O Presidente não vota neste caso. A oposição uniu seus quatro vereadores pela rejeição: Léo Feijoada (PSDB), Regina Braga (PSDB), Móises Rodrigues (DEM) e Silmério de Oliveira (DEM).

Anterior Vereadora Crovymara Batalha anuncia seu afastamento da Liderança de Governo

Deixe O Seu Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.