Câmara forma comissão especial para acompanhar reivindicações de moradores do Santa Cruz

Câmara forma comissão especial para acompanhar reivindicações de moradores do Santa Cruz

Presidente da Câmara de Ouro Preto, Maurílio Zacarias, vereadora Regina Braga e Suely Moraes

Presidente da Câmara de Ouro Preto, Maurílio Zacarias, vereadora Regina Braga e Suely Moraes

Na última terça-feira (6), moradores do bairro Santa Cruz participaram da Reunião Ordinária da Câmara de Ouro Preto com o objetivo de reivindicar melhorias para o local. A presidente da Associação de Moradores, Suely Moraes, utilizou a Tribuna Livre para pedir aos vereadores que acompanhem os problemas existentes na localidade.

“A situação do bairro hoje é muito complicada. O lixo vive espalhado, tem rede de esgoto a céu aberto, falta iluminação pública, falta segurança pública. Nós já estamos cansados, não vamos mais nos calar, vamos fazer movimentos”, enfatizou Suely.

O vereador Léo Feijoada (PSDB) apoiou a atitude dos moradores do bairro Santa Cruz. “É muito bom quando as pessoas saem de suas casas e vêm aqui, na Casa do Povo, reivindicar os seus direitos”, pontua. Segundo Léo, somente neste segundo mandato, ele já foi autor de 17 documentos com reivindicações de benfeitorias para o Santa Cruz, onde afirma estar sempre presente. “Estou lá quase todas as semanas e sempre sou reivindicado para estar. Agora, a Prefeitura abandonou o bairro Santa Cruz, assim também como o bairro Taquaral”, completa.

O presidente da Câmara de Ouro Preto, vereador Maurílio Zacarias (PMDB), formou uma Comissão Especial composta pelos vereadores Flávio Andrade (PV), Léo Feijoada e Luiz Gonzaga (PR) para acompanhar as reivindicações dos moradores do Santa Cruz.

Câmara aprova aumento do número de vereadores para próxima legislatura

Durante a mesma Reunião, foi aprovado, em Redação Final, o Projeto de Resolução n° 13/2001, que estabelece o número de vagas de vereador do Município de Ouro Preto a serem preenchidas nas eleições de 2012. Segundo o Projeto, o número de cadeiras do Legislativo ouro-pretano passa de 10 para 15 na legislatura 2013/2016.

O Projeto, que tem como objetivo uma maior representatividade político-partidária na Câmara, atende à Emenda Constitucional nº 58 de 2009, a qual determina que municípios com população entre 50 mil e 80 mil habitantes passem a ter o limite máximo de 15 parlamentares.

Outro Projeto aprovado, em Redação Final, no dia 6, foi o Projeto de Lei nº 80/2011, de autoria do vereador Flávio Andrade. O Projeto declara de Utilidade Pública a Brigada 1, que atua no combate a incêndios florestais em todo o território nacional. A ONG Brigada 1 conta com núcleo em Ouro Preto, desde 2006, sendo a única equipe local de voluntários que desenvolve atividades de prevenção e combate a incêndios florestais, dando suporte às Unidades de Conservação da região e ao Corpo de Bombeiros.

 

Anterior Centro de Atendimento ao Cidadão promove Blitz Educativa contra drogas

Deixe O Seu Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.