Comissão de Direitos Humanos recebe pedido de investigação sobre morte de morador da Bauxita

Comissão de Direitos Humanos recebe pedido de investigação sobre morte de morador da Bauxita

OdilonDurante a reunião ordinária da Câmara de Ouro Preto, realizada na última terça-feira (3), o morador da Bauxita, Odilon de Souza Alves, participou da Tribuna Livre para reivindicar investigações sobre a morte de seu filho, Odilon Júnior Rodrigues, ocorrida na semana passada. “Vim até a Câmara para pedir por justiça, porque a nossa família precisa de esclarecimentos sobre a morte do Odilon. Quero ver condenado o responsável pela morte do meu filho”, afirmou Odilon Alves.

O presidente do legislativo municipal, Maurílio Zacarias, informou que o caso da morte de Odilon Júnior foi encaminhado à Comissão de Direitos Humanos da Câmara, e determinou que a advogada da Comissão, Edna Elande, acompanhe o ocorrido.

“Já tomamos conhecimento das primeiras páginas do inquérito policial e fizemos contato com a Comissão de Direitos Humanos da Assembléia Legislativa de Minas. Vamos acompanhar o esclarecimento dessa morte até o final”, declarou o vereador Wanderley Kuruzu, presidente da Comissão de Direitos Humanos da Câmara de Ouro Preto.

 

Foto: O morador da bauxita, Odilon Alves, durante participação na Tribuna Livre da Cãmara.

Anterior Câmara de Ouro Preto presta homenagem a alunos da APAE nesta quinta-feira

Deixe O Seu Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.