Junho Vermelho: Doação de Sangue entra em pauta na Câmara Municipal

Junho Vermelho: Doação de Sangue entra em pauta na Câmara Municipal

Câmara Municipal de Ouro Preto - Junho Vermelho: Doação de Sangue entra em pauta na Câmara MunicipalDurante a 44ª Reunião Ordinária de 2021, realizada nesta terça-feira (15), em face da comemoração anual do Dia Mundial do Doador de Sangue, e em consonância com a campanha Junho Vermelho, a Câmara Municipal aprovou a Representação Nº 222/2021, que solicita a instalação de uma unidade do Hemominas ou Posto Avançado de Coleta Externa (PACE) em Ouro Preto.

 

O Dia Mundial do Doador de Sangue é comemorado anualmente no dia 14 de Junho, em meio a campanha Junho Vermelho, e visa homenagear todos os doadores de sangue, bem como conscientizar a população sobre a importância de doar, uma vez que a transfusão de sangue é responsável por salvar a vida de muitas pessoas.

Dessa forma, como forma de incentivar e facilitar a doação de sangue em Ouro Preto, a vereadora Lilian França (PDT), encaminhou uma representação à presidente da Fundação Hemominas, solicitando informações sobre os procedimentos necessários para a instalação de unidade do Hemominas ou então de um PACE na cidade.

De acordo com a vereadora, a população de Ouro Preto está disposta a doar sangue, porém, devido à dificuldade de deslocamento até Belo Horizonte, sede do Hemominas mais próxima, muitas vezes acabam por não realizar a doação. “Hoje, com a pandemia, alguns tipos de sangue se encontram muito abaixo do nível de estoque. Se esse nível continuar baixo, corremos o risco de perder mais vidas por conta da falta de sangue. Eu, como doadora, sei da dificuldade em se conseguir transporte para ir até a capital para conseguir doar. Devemos ressaltar também que, por conta do Covid, muitas pessoas deixam de participar das campanhas por medo de encontrar aglomerações em vans e em ônibus. Havendo uma unidade do Hemominas em Ouro Preto, as pessoas se sensibilizarão ainda mais, aumentando o fluxo de doações”, destacou.

Quem pode doar sangue?

  • Homem ou mulher entre 16 e 68 anos;
  • Ter acima de 50 quilos;
  • Não ter Hepatite B, Hepatite C, Doença de Chagas, Sífilis, AIDS (HIV), HTLV;
  • Estar bem alimentado e descansado;
  • As parturientes devem esperar entre 90 e 180 dias após o parto;
  • Se estiver gripado, esperar no mínimo 7 dias após a recuperação para poder doar;
  • Após a doação, as mulheres devem esperar 90 dias para fazê-lo novamente, enquanto os homens devem esperar 60 dias.

 

Anterior Comissão Especial da Causa Animal continua atuante e realiza visita ao Canil Municipal

Deixe O Seu Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.