Secretária de Assistência Social de Ouro Preto presta contas à Câmara

Secretária de Assistência Social de Ouro Preto presta contas à Câmara

Regina na Câmara

Atendendo ao requerimento nº 06/2008, de autoria do vereador Leonardo Barbosa (PSDB), a Secretária Municipal de Assistência Social e Cidadania de Ouro Preto, Regina Braga, participou da quarta reunião ordinária da Câmara, a qual aconteceu na última terça-feira, dia 19. Em sua explanação, Regina falou sobre as ações que tem realizado na Secretaria: “Nós assinamos um contrato com a Caixa Econômica no valor de oito milhões e cem mil reais e destravamos algumas coisas que estavam pendentes. Estamos montando o processo licitatório e os editais. A Caixa fiscalizará esse processo e, se não houver nenhum problema, teremos a ordem de serviço para começar a construção de 310 moradias.”

Questionada pelos vereadores sobre o funcionamento da “Bolsa Moradia”, a Secretária afirmou não querer julgar ninguém e disse acreditar que por ser um programa novo, houve erros e acertos por parte da direção anterior. “No meu ponto de vista, o erro maior foi a questão dos aluguéis sociais. Eles retiravam as famílias dos lugares de risco e as colocavam em casas alugadas. Só que, com as chuvas, algumas casas caíram e as que foram alugadas também estragaram. Conclusão: vamos ter que pagar os aluguéis, fazer novas casas para quem morava nos imóveis alugados, e, além disso, teremos que reformar estes imóveis”, destacou Regina.

Durante a apresentação da Secretária, o vereador Leonardo Barbosa, afirmou ter encontrado informações erradas em uma listagem apresentada à Câmara, sobre o andamento de algumas obras e reformas feitas pela Secretaria de Assistência Social. Ficou acordado, então, que o vereador Leonardo irá a estas obras, juntamente com funcionários da Secretaria, para verificar a real situação em que elas se encontram.

O presidente da Câmara, Maurílio Zacarias (PMDB), disse estar preocupado com a fiscalização das obras, uma vez que muitas delas estão paradas. Mas, informou que a Câmara estará disposta a ajudar nesta fiscalização, inclusive, com a possível formação de uma comissão especial de vereadores.

Segundo o diretor de desenvolvimento social da Secretaria, Maurício da Silva Pio, desde 2005, foram finalizadas, entre obras novas e reformas, 85 casas. Maurício informou, ainda que, as verbas que a Câmara repassou à Secretaria, nesta legislatura, estão sendo aplicadas nas próximas 220 unidades habitacionais, sendo que 14 delas serão entregues, na primeira quinzena de março, a moradores do distrito de Cachoeira do Campo.

Cotas na UFOPLaura

Durante o espaço de “Tribuna Livre” da quarta reunião ordinária da Câmara, a representante do Comitê Pró-Cotas de Ouro Preto, Laura Fina, falou sobre a aprovação, na quarta-feira, dia 17, do sistema de cotas na Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP). O sistema será adotado já no próximo vestibular, quando 30% das vagas da UFOP serão destinadas a estudantes que cursaram todo o ensino médio em escolas públicas. ”O movimento social de Ouro Preto vem anunciar que sua luta não foi em vão e que, apesar de reivindicarmos 50%, esses 30, já são um sinal de que há uma abertura da administração do reitor João Luís e de toda sua equipe”, disse Laura.

 

Foto 1: Da esquerda para a direita – o presidente da Câmara, Maurílio Zacarias; o 1º secretário, Mateus Nunes e a secretária de Assistência Social, Regina Braga.

Foto 2: Da esquerda para a direita – o presidente da Câmara, Maurílio Zacarias; o 1º secretário, Mateus Nunes e a secretária de Assistência Social, Regina Braga.

 

Anterior Plano Decenal

Deixe O Seu Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.