Vereadores derrubam veto do prefeito

Vereadores derrubam veto do prefeito

Vereaores concordaram em vetar decisão da Prefeitura

Vereaores concordaram em vetar decisão da Prefeitura

Os edis ouro-pretanos votaram contrários ao veto parcial do prefeito Angelo Oswaldo (PMDB) às emendas feitas pelo Legislativo à lei nº 28/10, que dispõe sobre as diretrizes orçamentárias para o exercício financeiro de 2011.

A votação foi realizada durante a Reunião Ordinária da Câmara Municipal, nessa quinta-feira (21).

Segundo o vereador Flávio Andrade (PV), todos os anos, a prefeitura precisa encaminhar ao Legislativo um projeto sobre a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO). Os vereadores analisam o projeto e propõem emendas ao texto. “A gente sempre procura criar mecanismos de transparência para a gestão pública, que nos ajude a fiscalizar o Poder Executivo”, salientou.

A emenda feita pelos vereadores determina que, a cada três meses, a prefeitura informe à Câmara as despesas da Administração, pontuando os gastos com telefonia, combustível, água, energia elétrica, diárias de funcionários, entre outros. Porém, a prefeitura vetou a alteração sugerida pelos edis. O projeto voltou ao Legislativo para os vereadores analisarem o veto, que decidiram por derrubá-lo.

“A Câmara entendeu que essa prestação de contas proposta é uma ferramenta importante para a fiscalização. Então, nós, vereadores, concluímos que essa emenda deve ser mantida e derrubamos o veto do prefeito”, explicou Flávio Andrade. Portanto, o documento passa a vigorar com as alterações feitas pelos legisladores. Todavia, o prefeito Angelo Oswaldo ainda pode recorrer à Justiça contra a decisão da Câmara.

 

 

Anterior Juíza defende na Câmara imparcialidade da Justiça Eleitoral

Deixe O Seu Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.