Vereadores discutem questão da água em Ouro Preto

Vereadores discutem questão da água em Ouro Preto

 Os vereadores realizaram reunião de comissões extraordinária nessa quinta-feira (3), na Câmara Municipal de Ouro Preto para debater sobre a questão da água no município. Representantes do Serviço Municipal de Água e Esgoto de Ouro Preto (Semae) e do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) de Mariana e de Itabirito também participaram da reunião para discutirem experiências sobre o órgão e a política tarifária dos serviços de abastecimento de água e de esgoto sanitário.

De acordo com o vereador Flávio Andrade (PV), o objetivo da reunião foi analisar dois projetos importantes sobre o Semae; um estabelecendo a questão da tarifa da autarquia, e outro, a regulamentação do serviço como um todo. “A cobrança da tarifa de água é fato. Em Itabirito, já se cobra água há mais ou menos 30 anos. Eu prefiro pagar a água e ter; do que fingir que pago, e a prefeitura fingir que me fornece. Hoje há uma consciência nesse sentido, temos que ter tranquilidade para garantir o abastecimento. É uma discussão madura, e a Câmara está assumindo essa discussão para poder levá-la junto à população de Ouro Preto”, explicou o vereador.

Para a superintendente do Semae, Kenny Murta, a reunião foi importante por ser uma oportunidade de se trocar informações e experiências, principalmente com o SAAE de Itabirito, que já tem a cobrança de tarifa de água há cerca de 30 anos. “Itabirito é referência, são trinta anos a nossa frente. Já em Mariana e Ouro Preto, nós estamos começando juntos, mais ou menos no mesmo nível. Estamos trabalhando com os vereadores para viabilizar o Semae e a cobrança de tarifa de manutenção, para que a gente consiga em contrapartida dar uma qualidade de vida melhor para a população e oferecer uma água em quantidade satisfatória a todos”, afirmou.

Para o prefeito de Mariana, Roque Camello, o debate entre os três municípios que compõem a Rodovia dos Inconfidentes: Ouro Preto, Mariana e Itabirito é de extrema importância na busca de soluções para melhorar a vida da população. “Estamos em um trabalho conjunto entre as três cidades que compõem  a Rodovia dos Inconfidentes. Itabirito, Ouro Preto e Mariana não se constituem em três municípios isolados. Ao contrário, são três casas que se unem pensando no desenvolvimento regional. Enfim, hoje, o nosso olhar não é mais isolado, pois estamos entendendo que não há como governar um município isolado do outro, principalmente os nossos municípios que estão tão próximos fisicamente e possuem estruturas similares e os mesmos problemas”, salientou Roque Camello.

Participaram da reunião: o prefeito de Mariana, Roque Camello; o diretor executivo do SAAE de Mariana, Luiz Eduardo Martins; os representantes do SAAE de Itabirito, Suely Maria Salomé e Cássio Aparecido Oliveira; o assessor de controle interno do Semae de Ouro Preto, Davi Barbosa Oliveira, e a superintendente do órgão, Kenny Murta; além dos vereadores de Ouro Preto Flávio Andrade (PV), Léo Feijoada (PSDB), Luiz Gonzaga (PR), Maurílio Zacarias (PMDB), Moisés Rodrigues (DEM), Regina Braga (PSDB) e Silmério Rosa (DEM).

Anterior Câmara realiza prestação de contas do Semae

Deixe O Seu Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.