Você está em:

Câmara recebe reivindicações de funcionários do Semae e contra o aumento da passagem de ônibus

E-mail Imprimir PDF

 

22.04.2013

Durante a reunião dos vereadores da Câmara de Ouro Preto realizada terça-feira (22), a presidente e a vice-presidente do Sindicato dos Servidores e Funcionários Públicos Municipais de Ouro Preto (Sindsfop), Aparecida Peixoto e Silvânia Assis, participaram da Tribuna Livre. “Nosso intuito é reivindicar, junto aos servidores do Semae, o projeto de aumento para os funcionários da autarquia que ainda não chegou à Câmara”, declara Aparecida.

 

Durante o debate, o Plenário recebeu vários funcionários do Serviço Municipal de Água e Esgoto – Semae. Eles lutam pela composição salarial que visa conformidade ao reajuste de R$ 250 feito aos servidores públicos da Prefeitura. Atualmente, a autarquia conta com 170 funcionários. “Esperamos que os vereadores consigam sensibilizar o Executivo e que esse projeto chegue à Câmara antes da paralisação dos servidores do Semae”, aponta a presidente do Sindsfop alertando para a paralisação anunciada para o dia 30 de abril.

Também fizeram uso da Tribuna da Câmara os jovens João Felipe e Pedro. Eles solicitam apoio do Legislativo contra o aumento de 15% nas tarifas de ônibus e táxi lotação. “O transporte público está caótico. Entendemos que o aumento da passagem de R$ 2 para R$ 2,30 foi feito de forma abusiva e nós queremos qualidade de serviço”, pontua o morador de Ouro Preto, João Felipe. Os manifestantes levaram cartazes com mensagens de protesto contra o Decreto Municipal nº 3.440 que concedeu reajuste à tarifa de prestação do serviço público de transporte coletivo de passageiros nas linhas urbanas da sede de Ouro Preto e do distrito Cachoeira do Campo.

Na reunião de vereadores seguinte, realizada no dia 25 de abril, o secretário de Governo e presidente do Conselho Municipal de Transporte e Trânsito, Wanderley Rossi – Kuruzu, foi à Câmara esclarecer sobre a concessão do reajuste e também sobre o cenário do transporte público da cidade. “Havia uma proposta de R$ 2,62 outra de R$ 2,53 e a proposta de R$ 2,30 para a passagem aqui na nossa região. Foi aprovada pelo Conselho a proposta que me parece mais justa”, afirma Kuruzu. “O prefeito José Leandro está muito determinado a fazer a licitação do transporte coletivo e isso será um ponto final em algumas questões que têm sido apresentadas nos últimos anos”, conclui.

O presidente do Conselho assumiu compromisso com o presidente em exercício naquela reunião, vereador Wander Albuquerque (PDT), e o próximo encontro dos conselheiros será realizado na Câmara Municipal. A reunião do Conselho foi agendada para o dia 8 de maio, às 9h.

Conselho de Transporte e Trânsito – Atendendo ao ofício do Prefeito Municipal, o Presidente da Câmara, Léo Feijoada (PSDB), nomeou os vereadores Dentinho da Rádio (PT) e Luiz Gonzaga (PR) como membros titulares do Conselho Municipal de Transporte e Trânsito de Ouro Preto. Como suplentes, foram nomeados os parlamentares Wander Albuquerque e Thiago Mapa (PP).

O Conselho de Transporte e Trânsito é um órgão de caráter consultivo.