Vereadores discutem diversos documentos durante a 11ª Reunião Ordinária

Vereadores discutem diversos documentos durante a 11ª Reunião Ordinária

 

Câmara Municipal de Ouro Preto - Vereadores discutem diversos documentos durante a 11ª Reunião OrdináriaNa última terça-feira (5), o legislativo ouro-pretano realizou, de forma remota, a 11ª Reunião Ordinária de 2020. Na pauta, diversos documentos solicitando melhorias para a cidade.

Entre eles, a Indicação 60/2020, de autoria do vereador Geraldo Mendes (PT), solicitando que a Guarda Municipal oriente as pessoas que precisam enfrentar filas nas agências bancárias em relação ao uso de máscaras e também para que respeitem o distanciamento social. Lembrando que, de acordo com o Ministério da Saúde e a Organização Mundial da Saúde (OMS), essas medidas são importantes para evitar a contaminação pelo novo coronavírus.

“Grande parte dessas pessoas estavam nas filas para sacar os 600 reais referente ao auxílio emergencial do governo federal, o que é legítimo e importante. Mas constatamos que as pessoas não estão usando as máscaras e tão pouco tendo distanciamento umas das outras e nós não temos a presença da guarda municipal”. Outro documento apresentado pelo vereador foi a Representação 31/2020, para ser encaminhada à mineradora Vale. “A empresa não parou a sua produção, ou seja, todos os seus funcionários estão trabalhando durante a pandemia. O pedido é para que ela forneça máscaras para os moradores do distrito de Antônio Pereira já que, na localidade tem pessoas de lá que trabalham nessas empresas, seja Vale ou Samarco ou em empreiteiras, e esse trabalho não parou. Além do mais, os moradores do distrito têm que ir até Mariana para fazer compras, ir ao banco e muitas dessas pessoas não têm condições de terem máscaras. Tenho certeza que isso é simplório para uma empresa do porte da Vale”, pontuou.

Outro documento apresentado durante a Reunião foi a Representação 30/2020, de autoria do vereador Marquinho do Esporte (SD). “Fizemos essa representação porque, nesse momento de pandemia, as empresas de ônibus estão reduzindo os horários, até por questão de segurança. Mas está dando muita aglomeração nos pontos de ônibus, principalmente nos primeiros horários da manhã e mais na parte da noite. Também têm vários relatos de assaltos, tanto aqui no bairro Alto da Cruz, quanto no Padre Faria, Alto das Dores, em geral. Nossa preocupação é muito grande porque sabemos que, quem pode, está ficando em casa, mas são muitas pessoas que têm que sair de suas casas para trabalhar e, com essa redução dos horários dos ônibus, está acontecendo muita aglomeração. Fiz essa representação ao comandante da 52º Batalhão da Polícia Militar, para que polícia redobre a atenção nesses horários da manhã e da noite para diminuir essas ocorrências de assalto e garantir a segurança dessas pessoas”, disse.

As Reuniões estão sendo transmitidas pelo YouTube e site da Câmara. Lembrando que, de acordo com a Portaria 13/2020, a Casa segue com as atividades suspensas por tempo indeterminado.

 

Anterior Reunião Ordinária ocorrerá virtualmente nesta terça-feira (5)

Deixe O Seu Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.